|

Recorde de Evaristo de Macedo

O ùnico jogador a fazer 5 gols em uma única partida pela Seleção Brasileira

Segundo o ‘Velho Lobo’ Zagallo, que jogou ao lado de Evaristo no Flamengo, “Evaristo era o tipo do jogador que tinha vaga em qualquer time que escolhesse”. E, revelado pela Madureira, o jogador escolheu defender apenas o Flamengo no Brasil. Ficou cinco anos na Gávea, de19521957, o que bastou para se tornar um dos grandes ídolos da história do Mais Querido do Brasil.

Além de conquistar a torcida feminina por sua beleza, Evaristo se destacava dentro de campo pela sua velocidade, visão de jogo, inteligência na criação de jogadas, e grande capacidade técnica. Com 19 anos, foi convocado para a Seleção Brasileira que disputou asOlimpíadas de Helsinque, em 1952, quando ainda atuava pelo juvenil do Madureira. No ano seguinte, começou sua trajetória vitoriosa no Fla.

Em seu primeiro campeonato, conquistou seu primeiro título: o Campeonato Carioca de 1953. Foram apenas quatro jogos e um gol, do jovem atacante, de 20 anos. Mas, em 1954, o atacante firmou-se entre os titulares e ganhou o posto de ídolo. Mais maduro e com uma participação mais efetiva, o atacante terminou a competição como vice-artilheiro, com 13 gols, e foi um dos destaques da conquista do bicampeonato. No ano seguinte, já nas graças da Nação, repetiu a dose, marcando mais 13 gols, e sendo fundamental para a conquista do segundo tricampeonato estadual do Flamengo.

Tanto sucesso fez com que Evaristo fosse logo chamado para a Seleção Brasileira, onde estabeleceu recorde que segue até hoje: marcou cinco gols em uma única partida, contra a Colômbia, em vitória brasilieira pelo placar de 9×0. Foi também vice-campeão sul-americano, e um dos destaques na campanha do Brasil rumo à Copa de 58. Copa que ele acabou não disputando, por ter se transferido para a Europa.

No Velho Continente, Evaristo conseguiu outra façanha. Foi ídolo tanto no Barcelona como no Real Madrid. Ficou cinco anos na equipe basca e dois na madrilenha, conquistando cinco Campeonatos Espanhóis (dois pelo Barça e três pelo Real) e três Copas da Uefa (todas pelo Barcelona). Depois de brigar com o astro do Real, Di Stéfano, o atacante voltou para o Brasil em 65, quando vestiu a camisa doFlamengo mais uma vez antes de se aposentar e começar a trabalhar como treinador.

Fonte: Flamengo.com.br

 

Tags:

1 Comentário para “Recorde de Evaristo de Macedo”

  1. Pedro Vianna Born disse:

    Vi Evaristo jogar uma única vez no Maracanã pelo Flamengo após sua volta da Espanha. Eu era um garoto de 13 anos e fiquei fascinado com sua presença em campo. Não me lembro do time adversário, mas do balaço de Evarito na trave adversária, jamais esqueci. O barulho do petardo ecoou pelo Maraca como jamais veria outra vez! Era um jogadoraço, buscava o jogo ferozmente, era forte e técnico. Para ele não havia bola perdida; por isso mesmo ela gostava dele, cuja presença era notavel no campo de jogo. Foi a partir daquele dia que me apaixonei definitivamente pelo Flamengo e esqueci pra sempre o Botafogo de meu avô, ex remador e benemerito.

Voce deve estar logado para comentar Logar